fbpx
aprendendo uma nova lingua - 7 passos para aprender um novo Idioma

7 passos para aprender um novo Idioma

Se você está lendo este post, é sinal de que você deu o primeiro passo na busca de ajuda para aprender um novo idioma. Agora vamos te ajudar a descobrir como superar a procrastinação, sentimentos de intimidação e obstáculos de motivação nesta caminhada.


Além da matéria, que você pode conferir ao longo deste post, também gravamos um vídeo com alguns tópicos sobre como um intercâmbio de línguas pode ajudá-lo no seu objetivo de aprender um novo idioma.

Assista abaixo:

Planejamento e motivação

Antes de começarmos a falar em como acelerar o seu processo de aprendizado de um novo idioma, é importante discutir sobre uma etapa fundamental para superar qualquer desafio.

O primeiro passo para aprender um novo idioma rapidamente é estabelecer metas. Quando você pensa sobre isso, faz muito sentido. Se você não definir metas, como saber o que deseja alcançar e avaliar se de fato alcançou?

Quando confrontados com a idéia de aprender um novo idioma, a maioria de nós se sente sobrecarregado. Há tantas palavras para aprender e muitas maneiras diferentes de estudar. O estabelecimento de metas restringe seu foco para que você possa parar de se preocupar com todos os detalhes e começar a trabalhar.

Pesquisas mostram que as pessoas que estabelecem os objetivos certos têm maior probabilidade de obter sucesso.

Estabelecendo metas

Concentre-se em resultados específicos e tangíveis. Defina metas detalhadas e concentre-se no que você planeja aprender, em vez de quanto tempo você planeja estudar. Um exemplo de um bom objetivo pode ser: “Esta semana vou aprender 30 palavras do vocabulário de francês relacionadas à compras“.

Estabeleça metas de curto prazo. É bom ter um objetivo final – o que você espera alcançar. Metas de longo prazo são excessivas demais para motivá-lo todos os dias. Divida seu objetivo final em vários objetivos menores e defina objetivos para cada semana ou mês.

Desafie a si mesmo (mas não muito). Os objetivos funcionam melhor quando fazem você se esforçar. Mas, se forem assustadores demais, podem desencorajar você. Uma boa maneira de contornar isso é estabelecer metas com vários resultados. Por exemplo, você pode dizer: “Quero aprender de 30 a 50 novas palavras de vocabulário esta semana”.

O número mais baixo nesse intervalo ajuda você a sentir que a meta é alcançável, enquanto o número mais alto permite que você se esforce. Anote seus objetivos. Escrever metas ajuda você a se comprometer com elas. Poste suas metas em um lugar de destaque, como o espelho do banheiro ou a tela inicial do seu smartphone.

Bom, agora que já demos o caminho das pedras para definir suas metas, comece a colocar em prática com os 7 passos que vamos apresentar a seguir. Mas não desanime se não conseguir cumprir todos logo de cara! Lembre-se: o importante é tentar cumprir metas, mesmo que pequenas no inicio. A nossa dica é: combine o máximo que puder para deixar o seu aprendizado mais dinâmico e não perder a motivação.

1 – Use suas mãos para aprender um novo idioma

Apesar do constante progresso tecnológico parecer transformar a escrita à mão em algo do passado, não subestime o poder de escrever para estimular a sua memória. Sempre que começamos a aprender um novo idioma, ficamos muito ligados à três pilares da língua (ouvir, ler e falar) e esquecemos do quanto escrever pode ser importante.

Uma boa prática é ter um pequeno caderno, onde você possa escrever todas as novas palavras e os principais pontos gramaticais. O esforço físico para realmente escrever as palavras nos ajuda à memorizá-las melhor, e o uso de tintas coloridas diferentes pode tornar ainda mais atraente e ajudar na memorização.

2 – Quem canta os males espanta

O potencial de aprendizado usando música é reconhecido universalmente por especialistas em lingüística. Uma ótima estratégia quando se está aprendendo um novo idioma, é buscar motivação para entender as letras das suas músicas favoritas.

Nesse caso, o nosso conselho seria não desanimar com letras complicadas. Comece com pequenos passos, aprenda o refrão primeiro e depois vá para as demais partes da música. Também não fique desapontado ao descobrir que uma música tem um significado completamente diferente do que você imaginou – ao menos você aprendeu o suficiente do idioma para perceber isso.

3 – Assista TV no seu novo idioma

Não é novidade que plataformas como Netflix, Amazon Prime e muitas outras são fortes aliadas no aprendizado de idiomas. Com a internacionalização dessas plataformas online, ficou cada vez mais fácil encontrar legendas em vários idiomas e um deles pode ser o que você precisa aprender. Recomendamos escolher episódios curtos no início, para poder assistir cenas várias vezes sem desanimar. Primeiro assista sem legendas (ou com legendas); depois ative as legendas para o seu próprio idioma nativo e verifique a sua compreensão.

Faça anotações de expressões idiomáticas ou palavras específicas que você não conhecia em seu caderno.

Cuidado com coisas do tipo: “você deveria assistir a um desenho animado, é para crianças, portanto deve ser fácil!”. Lembre-se de que os desenhos são feitos para falantes nativos e geralmente usam a linguagem apropriada para crianças, o que não é necessariamente fácil ou útil para você aprender!

4 – Conecte-se com alunos e professores de idiomas on-line

Se você tiver acesso à uma boa conexão de Internet, um computador ou mesmo um celular com bons recursos de som e imagem é possível ter aulas de idiomas com falantes nativos por meio de várias plataformas online. Em tempos de COVID-19, o uso do ensino à distancia nunca foi tão importante, então porque não aproveitar o momento e investir nisso?

Você pode usar isso não apenas nas aulas de conversação, mas também nas de gramática e redação, pois o bate-papo funciona como um quadro branco comum. Você também pode encontrar muitas plataformas on-line nas quais pode oferecer trocas de idiomas com usuários interessados ​​em aprender o seu próprio idioma, muitas delas gratuitas. Essa é sem duvida uma ótima maneira de fazer novos amigos também.

Saiba mais sobre como fazer um curso de idiomas à distância clicando aqui.

5 – Altere as configurações de idioma em tudo que você usa no dia a dia

Uma das primeiras coisas que sempre recomendamos aos que querem acelerar o processo de aprendizado é mudar todos os dispositivos, contas de email e redes sociais para o idioma de destino. Uma ótima dica é começar por seu perfil no Linkedin (inclusive deixar em inglês é uma das principais recomendações dos recrutadores para deixá-lo mais profissional).

Em geral não é fácil usar o seu computador ou celular em outro idioma. No início você deve perceber uma diminuição na sua eficiência em algumas ações, mas isso vai condicioná-lo a pensar no idioma como necessidade, o que força o seu cérebro à memorizar caminhos e comandos do dia a dia.

6 – Viaje para aprender um novo idioma

Obviamente, todos concordarão que a melhor maneira de aprender um novo idioma é viajar para o país em que o idioma é falado. Embora isso certamente seja verdade, não basta reservar uma viagem para o destino se você não tentar conhecer a cultura local.

Afastar-se cada vez mais da sua zona de conforto permitirá que você conheça novas pessoas e novas culturas, descobrindo o espírito autêntico do idioma que está aprendendo.

Saiba mais sobre como fazer um intercambio de idiomas clicando aqui.

7 – Se arrisque e tente falar outro idioma

Por falar em zona de conforto, você nunca deve ter medo de falar o idioma que está estudando. Antes de tudo, os falantes nativos geralmente ficam lisonjeados ao ver que alguém está se esforçando para se comunicar. Em segundo lugar, como alguém já falou: “nunca tire sarro de alguém que fala um inglês ruim”. Isso, no mínimo, mostra uma atitude de positiva quando falamos de sair da zona de conforto.

Falar mesmo que errado nos mostra onde precisamos melhorar, então não tenha medo, e nem fique envergonhado se alguém o corrigir. Use essa situação a seu favor.

Finalmente, quando você não consegue transmitir a sua mensagem ou entender algo, significa apenas que o objetivo da comunicação não foi atingido. Lembre-se de que não é necessariamente devido ao seu nível de idioma, então respire, tente novamente e definitivamente vai dar certo!

Conclusão

Muitas das recomendações dadas neste post podem parecer bem obvias, mas acredite, poucas pessoas colocam em prática simplesmente por não as acharem tão importantes como frequentar uma sala de aula nos moldes clássicos “professor e aluno”.

É claro que não estamos dizendo que este método não funciona (funciona muito), mas se você puder seguir esses passos em conjunto com as suas aulas regulares no curso de idioma, você verá que os resultados serão outros.

Para aqueles que podem investir em uma imersão do idioma, onde é possível vivenciar a experiencia 24 horas por dia, 7 dias por semana e ainda incluir no pacote a possibilidade de conhecer pontos turisticos de uma nova cultura e fazer amigos estrangeiros, um intercâmbio é, sem dúvidas, a melhor opção para avançar rapidamente no seu aprendizado.

Há diversas modalidades no mercado para todos os gostos e bolsos. Se você tem interesse neste tipo de curso, não hesite em nos contatar. Nós vamos ajudá-lo a encontrar o curso ideal para você e ainda cuidar de toda a documentação. Saiba mais clicando aqui.

Deixe seu comentário

%d blogueiros gostam disto: