Como Imigrar para o Canadá como Chef de Cozinha

578 views

Todos os anos, chefs de todo o mundo vêm ao Canadá para trabalhar e começar uma nova vida. Um dos fatores que mais contribuem para essa demanda é a própria natureza multicultural do país. Com imigrantes do mundo inteiro chegando aos montes para se estabelecer no Canadá, é natural que a busca por diversidade cultural nos pratos torna-se uma realidade. E nem estamos falando o turismo gastrônomico, que em cidades como Montreal e Toronto, é literalmente um prato cheio para esses profissionais. Continue lendo para descobrir como fazer parte desse grupo de profissionais no Canadá.
André Salles
André Salles
Publicado em: 14 de janeiro de 2021

Atualizado em: 29 de abril de 2021

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Todos os anos, chefs de todo o mundo vêm ao Canadá para trabalhar e começar uma nova vida. Um dos fatores que mais contribuem para essa demanda é a própria natureza multicultural do país. Com imigrantes do mundo inteiro chegando aos montes para se estabelecer no Canadá, é natural que a busca por diversidade cultural nos pratos torna-se uma realidade. Continue lendo para descobrir como fazer parte desse grupo de profissionais no Canadá.


Além da matéria, que você pode conferir ao longo deste post, também gravamos um vídeo com André Salles (diretor Neway) e sua convidada especial Tati Saute, Chef de cozinha em Montreal. Nesse bate papo informal ela irá falar sobre sua trajetória profissional trazendo sua visão sobre o mercado de trabalho em gastronomia no Canadá.

Assista abaixo:

Mercado de trabalho multicultural

De acordo com as diretrizes da imigração canadense, há boas perspectivas para chefs treinados que desejam trabalhar no Canadá. Esta sociedade multicultural está aberta a muitos tipos de experiências alimentares.

Cada grande cidade tem sua parcela de restaurantes étnicos, incluindo Oriente Médio, Asiático, Indiano, Mexicano e Sul americanos incluindo o Brasil.

E nem estamos falando o turismo gastrônomico, que em cidades como Montreal e Toronto, é literalmente um prato cheio para esses profissionais.

LEIA TAMBÉM: Toronto vs. Montreal: Qual a melhor no quesito destino para estudar?

Salários

O código de classificação de ocupação nacional canadense (NOC) para essa função é 6321.

Os títulos dos cargos e as funções exatas variam nesta ocupação.

Exemplos de alguns cargos são: chef, chef de partie, chef principal, sous-chef, chef assistente e chef pasteleiro.

De acordo com os números mais recentes, os maiores salários para essa profissão estão nas cidades Calgary em Alberta, Vancouver na Columbia Britânica. Na mediana estão cidades como Montreal em Quebec e Toronto em Ontário.

Um salário anual típico de tempo integral para esta ocupação está na região de $ 35.000 – $ 50.000, podendo atingir mais de $100.000 para profissionais com muitos anos de experiência e algumas premiações em seu histórico.

Dados do governo indicam que o mercado de trabalho para essa profissão estará equilibrado para um futuro próximo, após a reabertura de bares e restaurantes devido ao COVID-19. Enquanto o setor de turismo, lazer e entretimento não se recuperar, profissionais de gastronomia ainda estão enfrentando algumas dificuldades.

Porque o Canadá precisa de mais Chefs de Cozinha?

  • A estrutura social multicultural do Canadá tem contribuído para a crescente demanda por chefs profissionais especializados na preparação de alimentos estrangeiros.
  • O país possui escassez de chefs treinados na Europa, assim como de molhos especiais e grandes chefs pasteleiros.
  • Os graduados de faculdades comunitárias em programas de culinária não estão enfrentando nenhum problema para encontrar um emprego e tendo a oportunidade de escolher entre muitas ofertas de emprego.
  • De acordo com a Federação de Chefs e Cozinheiros do Canadá, os chefs e cozinheiros especialistas estão tendo alta demanda no país.
  • Devido ao envelhecimento demográfico, espera-se que aumente a necessidade de chefs e cozinheiros especializados no país em estabelecimentos que atendem idosos, como asilos.

LEIA TAMBÉM: College ou Universidade no Canadá: Qual caminho seguir?

Meios de imigrar como Chef de Cozinha

Express Entry é o sistema direcionado para quem deseja imigrar para o Canadá como trabalhador qualificado. O Express Entry é um sistema baseado em pontos que classifica você dentro do pool do Express Entry. Quando convidados, os candidatos podem migrar por meio do emprego e obter residência permanente.

LEIA TAMBÉM: Express Entry: Primeiras chamadas de 2021

Federal Skilled Trades Program é um dos três programas econômicos no Canadá que permite que candidatos qualificados sejam selecionados para ajudar a atender às demandas da força de trabalho do Canadá e nele seria possível imigrar e já garantindo a você a residência permanente Canadense.

Todavia, este programa é destinado a candidatos com bastante preparo profissional e alto nível de proficiência no idioma. Além desses critérios, entram outros como: idade, composição familiar e capacidade financeira para aplicar.

Para quem não tem pressa e prefere um processo de imigração a longo prazo, este, é sem dúvida, a melhor opção, já que permite aos candidatos imigração obter a residência permanente antes de entrar no Canadá.

Para se habilitar em programas como esse é necessário obter uma pontuação dentro da faixa exigida em cada sorteio. Essa pontuação, chamada de Comprehensive Ranking System (CRS) leva os seguintes critérios em conta:

  • Nível de educação (Formação acadêmica) ;
  • Proficiência em língua (Inglês, francês ou ambos);
  • Experiência de trabalho (Experiência de trabalho internacional leva mais pontos);
  • Idade, composição familiar entre outros.

LEIA TAMBÉM: Candidatos ao Express Entry que falam francês levam vantagem extra

Programas Provinciais de Nomeados (PNP)

Programas Provinciais Nomeados também são conhecidos como PNP. Também são opção se você deseja se estabelecer em uma província ou território específico.

Um PNP permite que uma província nomeie um trabalhador qualificado para a imigração para sua província com base nos critérios definidos pelo governo daquela província.

LEIA TAMBÉM: Canadá: Qual província devo imigrar?

Visto de trabalho fechado

O visto de trabalho fechado ou permissão de trabalho fechada é na verdade uma autorização concedida pelo governo canadense que faz a ponte entre trabalhador estrangeiro o empregador local que precise contratar trabalhadores em regime de residência temporária.

Para não deixar o texto tão longo você pode conferir uma matéria completa sobre o assunto neste post: Como obter um visto de trabalho fechado no Canadá

Programa de estudo e trabalho

Para quem não esta disposto a esperar por 2 ou 3 anos até ser chamado no sistema de pontos ou já esta fora da faixa etária preferencial do Express Entry (20 – 30 anos), a opção mais viável seria um programa de estudo e trabalho fazendo uma capacitação no Canadá através de um College ou universidade.

LEIA TAMBÉM: College ou Universidade no Canadá: Qual caminho seguir?

Esta modalidade de imigração conhecida como estudo e trabalho permite aos estudantes estenderem sua permanência no país após se formarem e assim conseguirem uma experiência de trabalho canadense fazendo uso do programa Permissão de Trabalho Pós-Graduação (PGWP).

LEIA TAMBÉM: “PGWP: Vantagens oferecidas ao estudante no Canadá

Com o PGWP o estudante muda seu status para trabalhador, sendo possível permanecer legalmente no Canadá por até 3 anos. Esta experiência de trabalho, além melhorar sua proficiência no idioma e ajuda-lo a se adaptar a cultura local, irá lhe render pontos extras em qualquer programa de imigração que optar.

Programas de migração para estudantes internacionais

Sabemos que imigrar para o Canadá como estudante pode não ser uma alternativa viável para todo mundo em razão do custo, contudo, esta forma de imigrar pode abrir portas para aqueles que já estejam fora da faixa etária em programas como Express Entry.

Programas como o Programa de Experiência do Quebec (PEQ) não limitam idade como o Express Entry, seu maior peso esta na experiência profissional e formação local.

LEIA TAMBÉM: PEQ: Agora é oficial, o que muda com as novas regras

Os canadenses estão procurando

  • Gourmets
  • Chefs com experiência em cozinha étnica de todo o mundo
  • Caterers para instalações sênior
  • Chefs especializados

Mais não pense que simplesmente saber cozinhar é o suficiente para cruzar a fronteira. Você pode precisar se especializar e treinar um pouco mais, ou talvez ganhar mais experiência.

Como dito anteriormente, sua aplicação a imigração se juntará a centenas de outras semelhantes.

Ser convidado por um empregador para trabalhar em seu restaurante no Canadá pode ser um verdadeira bilhete de loteria, e nem todos estão prontos para passar nesse peneirão.

E ai? você já esta pronto para imigrar para o Canadá como Chef de Cozinha?

LEIA TAMBÉM: Como obter uma oferta de emprego antes de chegar ao Canadá

Precisa de ajuda para imigrar como trabalhador qualificado? Ligue hoje mesmo e fale com nosso time de consultores especializados e certificados. Você também pode entrar em contato clicando aqui.

Conheça um pouco mais sobre nossos serviços entrando em contato conosco ou acessando nossas redes sociais Facebook e Instagram, ou venha tomar um café com a gente, caso esteja em Montreal.

Compartilhar no whatsapp
Compartilhe
Compartilhar no linkedin
Compartilhe
Compartilhar no telegram
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Compartilhe
REVIEWS

Não há reviews ainda para este post. Seja o primeiro a escrever um.

VEJA TAMBÉM
SIGA-NOS

Inscreva-se em nossa Newsletter

garota morena apontando para cima
BUSCA
Categorias
CURSOS

1° TURMA DO CURSO
MINHA CARREIRA NO CANADÁ

Inscrições abertas até o dia 29 de outubro.

VAGAS LIMITADAS

Information 1

desculpe-nos :(

Sessão indisponível no momento, tente mais tarde.